Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Cozinha da Anita

A cozinha rápida, e saborosa...

A Cozinha da Anita

A cozinha rápida, e saborosa...

Daquoise - Café e Chocolate e Daquoise Morango




É claro que as minhas fotos não fazem jus ao nome desta maravilha, nem chegam aos calcanhares do sabor desta divindade.
Mais um desafio superado obrigada Blog Basta Cheio, aqui
Fia a "massa" igualzinha dizia na receita com avelãs (mas as minhas tinham casca)

Merengue

200 gr de avelã sem pele, moída
250 gr de açúcar (superfino)
25 gr de amido de milho
6 claras de ovo
1 pitada de sal?

Pré-aquecer o forno a 180ºC.
Forrar um tabuleiro de forno com papel vegetal e desenhar 3 círculo de 20 cm de diâmetro. Reservar.
Picar as avelãs, sem deixar que fiquem completamente em farinha, e levar ao forno para tostarem ligeiramente. Retirar do forno, deixar arrefecer e juntar a 100 gr de açúcar e o amido de milho. Envolver bem e reservar. Reduzir a temperatura do forno para 150ºC.
Bater as claras com o sal em castelo bem firme. Ir acrescentando o restante açúcar aos poucos até obter um merengue espesso. Com uma espátula envolver delicadamente a mistura da avelã no merengue até incorporar bem.
Distribuir o merengue pelos círculos (usei saco de pasteleiro para ficarem mais perfeitos) sem ultrapassar os limites do mesmo. Levar ao forno durante 1 hora rodando o tabuleiro a meio do tempo. Ao fim do tempo, desligar o forno e deixar os discos arrefecerem completamente lá dentro com a porta entreaberta.


Mas tenho um problema eu não tenho um forno normal é daqueles pequenos eléctricos, logo tive de fazer "discos" mais pequenos e... saíram 6 discos.
Fiz então duas Daquoise.



Creme Bomboca de Morango

8 Claras
1 pacote de gelatina de morango
100 Grs de Açúcar

Levar ao lume as claras com a gelatina e o açúcar até este derreter por completo.
Colocar na batedeira e bater até ficar um creme consistente, levar ao frio e barrar os discos com o creme.

Como sobrou recheio da bombocas decidi que estando este maravilhosos deveria colocar e não me arrependi nada ficou fantástico super saboroso.

Em cima também coloquei nozes caramelizadas, a maneira que estava no blog era tão fácil que não resisti e fiz também ficaram fantásticas só não parti em pedaços mais pequenos porque não quis, mas esta maneira de caramelizar frutos secos é fácil e rápida vou guardar para o futuro.

Praliné de avelã (usei nozes)

70 gr de avelã tostada e sem pele (não tostei)
120 gr de açúcar

Para a praliné, levar o açúcar ao lume num tacho até formar caramelo. Distribuir as avelãs sobre um tapete de silicone, ou sobre a bancada ligeiramente untada com óleo, e verter o caramelo por cima. Deixar arrefecer completamente e picar grosseiramente.

O segundo Daquoise levou creme de café e ganache de chocolate, porque achei que deveria levar dois cremes, não me perguntei porque sim e pronto.


Para a ganache de chocolate 

1 tablete de chocolate negro de culinária
200 grs de natas

 Aquecer as natas e colocar lá dentro bocados de chocolate mexer até derreter.
Deixar arrefecer e colocar entre os "discos"

Creme de Café

1 lata de leite condensado
1 chávena de café expresso (usei dolce gusto Ardensa)
1 c. sopa manteiga
1 c. sobremesa de maisena
água q.b.

Dissolver a maisena num pouco de água, colocar todos os ingredientes num tacho ao lume e mexer até engrossar.
Deixar arrefecer e colocar em cima da ganache de chocolate, entre os discos.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito

Rolinhos de Carne com Maçã


Mais um desfio superado, neste fantástico grupo a mentora Telma decidiu fazer um desafio, tinhas de escolher uma página de um livro que ela escolheu e não nos disse qual.
Depois teríamos de fazer a receita que nos calhou.
Aqui está ela... ficaram uma delicia estes rolinhos.

Aqui voz deixo a receita original, a qual a única alteração que fiz foi colocar sementes de linhaça em vez de semente de sésamo, pois não tinha.


Ingredientes:
1 Cebola picada finamente
+/- 60 Grs Pickles picados finamente
30 Grs de Azeitonas descaroças picadas finamente
400 Grs de carne picada
50 Grs de Queijo Ralado (mozzarela ou flamengo)
Salsa ou Coentros picados
1 Ovo Pequeno
Sal, Pimenta
Pão ralado
Sementes de sésamo
2 Maçãs 
Vaqueiro Liquida
Vinho do Porto

Modo de preparação:

Pré aqueça o forno a 180º
Numa tigela Coloque, cebola, pickles, azeitona, carne, queijo e salsa ou coentros, mexa bem, adicione o ovo, sal pimenta e um pouco de pão ralado até obter uma massa que dá para moldar.
Molde uns rolinhos, passe por sementes de sésamo e coloque num tabuleiro.
Coloque um pouco de margarina em cima e salpique com vinho do porto.
Descasque as maçãs e coloque em quartos no tabuleiro em volta dos rolinhos.
Leve ao forno 15 a 25 minutos.
Acompanhe com uma salada e arroz.





Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito


Salada de Frango, Laranja e Molho de Iogurte




Mais um desafio desta fantástica página Cantinho das Cozinheiras, desta vez o desafio consistia em fazer uma receita com pelo menos dois ingredientes dos que são selecionados e acrescentar mais 3 ingredientes, mas temos de inventar uma receita da nossa autoria.

Aqui fica a minha, acho que usei foi ingredientes a mais, mas saldas é assim colocamos tudo o que nos vem a mão.

Esta menina levou;

Pedaços de Frango, cozi com água, hortelã e sal, depois desfiei.
Cozi arroz no microondas (1 porção de arroz para 2 e 1/2 de água, 13 minutos na potência máxima, sal)
Descasquei uma laranja e cortei em rodelas e depois em 4.
Uma embalagem de alface e cenoura ralada (eu sei que fui preguiçosa)
1 queijo mozarela partido em pedaços.

Para o molho, coloquei 1 iogurte naturais com um pouco de sal, pimenta, azeite e limão e uns coentros frescos das Aromáticas Vivas picados.

Fazer a "mixórdia" e servir, servi o molho à parte porque podia haver quem não quisesse mas foi todo.

Espero que gostem, se inspirem e partilhem muito.

Bom proveito.




Cozido à Portuguesa - Desafio dia 1....na Cozinha


1º Desafio deste ano, finalmente consigo participar, foi um tiro no escuro, mas, um prato tipico português que já façp à muito tempo, e todos gostamos. Deixo-vos aqui um prato que não dá muito trabalho, não fica assim tão caro como parece, mas suja tanta, mas tanta loiça.....

É um prato que dá para adaptar a todos os gostos, ou seja se em casa não gostam de certas carnes não precisam colocar, por aqui não se coloca, pés, rabo ou orelhas de porco, ninguém aprecia, já o chouriço de sangue compro um bem pequeno porque só eu gosto, na parte dos legumes não coloco nabo porque também não apreciamos.

Precisam de 2 panelas grandes uma para os legumes, outra para as carnes, de preferência que dê para colocar uma rede para cozer os enchidos a vapor.

Eu costumo fazer como a minha mãe me ensinou...

Ingredientes:

Carne de vaca 
Chispe ou Pernil
Frango cortado em pedaços
Salsichas frescas
Entrecosto
Entremeada
Chouriço de Crane
Morcela Grossa
Farinheira
Chouriço de Sangue
Arroz
Couve Lombarda
Batatas
Batatas Doce
Cenouras

Modo de preparação:

Tentar que as duas panelas cozam ao mesmo tempo para que não fique fria uma parte da comida, assim, quando acrescentarem as carnes de porco é boa ideia colocar o tacho dos legumes no lume.

Numa panela colocamos água e carne de vaca (se der para ser panela de pressão tanto melhor) deixar até que esta fique cozinhada mas não precisa ficar a desfiar porque ainda vai cozer mais, ehehe.

Depois de estar cozinhada acrescentar água, metade do chouriço de carne, o entrecosto, o chispe, orelha, rabo, pés, entrecosto deixar que estes cozam um pouco e por ultimo acrescentar o frango em pedaços, este ano fiz com uma novidade salsichas frescas, foi o que o sr do talho me indicou, que em alguns restaurantes já colocam.

Assim que colocar as carnes de porco colocar também (se possível) uma rede com os enchidos para estes cozerem a vapor, para que a farinheira e o chouriço de sangue não rebentem (tarefa quase impossível, mas pelo menos não sujam a água todas, para quem não gosta de chouriço de sangue é muito chato)
Deixar cozer até as carnes estarem macias.

Assim que as carnes estiverem cozidas, eu tenho uma bola para cozer o arroz, retiro as carnes e coloco nessa água a bola com arroz para que este coza.

Nutro tacho grande colocar a outra metade do chouriço de carne, a couve lombarda (eu parti em 4), cenouras cortadas ao meio ou em 4 se forem muito grossas, batatas, batatas doces (desta vez usei laranja e normal), estas não devem ser partidas só um golpe no meio e devem ser as ultimas a serem colocadas no tacho, para que cozam ao mesmo tempo que a couve.

Para saber se já está tudo cozido espetar um garfo nas batatas até estas se soltarem do garfo.

Depois é servir tudo ainda quente.

Para este cozido gastei cerca de 30 euros (sem contar com gás, água, arroz e sal) e deu para 7 pessoas num almoço, 4 pessoas a jantar.
A carne que sobrou fiz croquetes e ainda empadão (sim exagerei na carne mas tinha visitas e não podia faltar), por isso não considero um prato caro.


Maruca Assada com Batatas




Bem mais um desafio superado, este mês a escolha caiu sobre o blog O Diário da Inês  a receita que escolhi tinha que ser simples, pois está claro.

Ficou fantástica tanto que nem consegui tirar uma foto da comidinha já pronta ehehe.

Adoro maruca mas nunca tinha experimentado assada, sempre consumi cozida, mas este peixe delicioso surpreendeu-me muito, ficou delicioso.

Não me vou alonga mais e vou deixar o link directo para a receita que fiz exactamente sem nenhum acrescento. aqui

Espero que gostem e partilhem.

Bom proveito

Obrigado inês pela partilha fantástica de receitas maravilhosas.