Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Cozinha da Anita

A cozinha rápida, e saborosa...

A Cozinha da Anita

A cozinha rápida, e saborosa...

Tarte de Castanhas Merengada




Fiz esta receita com castanhas, assim que comprei castanhas este ano veio-me a cabeça esta tarte, decidi experimentar, e não é que ficou fantástica???

Uma receita da minha autoria que ficou fantástica.... ai meus Deus estou a evoluir ehehe

Ingredientes:


200 g castanha ainda com casca
Sal qb
Agua qb
1 c. sopa erva doce
200 ml natas
4 ovos
4c. sopa açúcar
0,25 dl vinho do porto
1 embalagem de massa quebrada

Para merengue
2 claras em castelo (tinha congeladas)
6 c. sopa de açúcar

Modo de preparação

Cozer as castanhas com água, sal, erva doce
Misturar os ovos, as natas, açúcar, e vinho do porto.
Acrescentar as castanhas cozida em pedaços pequenos ou em puré.
Colocar a massa numa tarteira e a mistura.
Levar ao forno a 230 cerca de 20 minutos.
Colocar merengue num saco de pasteleiro e enfeitar a tarte a gosto.
Levar ao forno mais 10 minutos até estar dourado.


Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito





Espuma de Morango / gelado de morango



Uma receita fácil, rápida, saborosa, saudável e fresca para o verão.....

Vi Aqui, mais um blog que costumo seguir, e retirar bastantes ideias, super fáceis.

Aqui fica uma que é excelente para estes dias.

É só bater umas claras (não sei quantas, as que tinha, congelei os morangos á hora de almoço coloquei no congelador e por volta das 18 h retirei)

Bater as claras em castelo, colocar algumas colheres de açúcar, (coloquei 5 de sopa, mas como podem ver eram muitas claras e os morangos não estavam assim docinhos....)

Com a varinha mágica ou com o liquidificador esmaguem os morangos congelados, (eu congelei ainda com a rama, assim que os tirei cá para fora cortei a rama e passei por água), fica uma pasta.

Juntar com uma colher e com bastante cuidado nas claras já em castelo.

Colocar em taças e servir de imediato, assim fresquinhas.

Aproveitei e fiz a experiência e coloquei nestas formas de gelados e.... para meu espanto no dia seguinte ainda estavam melhores em gelado..

Uma receita a repetir e dá para fazer com qualquer fruta "mole", ou em modo espuma ou em gelado, o gelado fica super leve e muito saboroso.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito.












Farófias no Micro com pudim velhinho


Uma receita bem simples....

Vi no blog da Luísa Alexandra uma receita de farófias no microondas, a partir dai..... ficam riginhas e não ficam ensopas de leite, além de que é bem mais rápido.

Uma maneira de aproveitar claras e não precisa ser especifico é mesmo as que tem de sobra :)

Como não tinha leite creme, usei o pudim do "velhinho".
Ficou delicio.

Ingredientes:

5 Claras
5 C. Sopa de Açúcar
Canela Q.B.

2 Embalagens do Pudim Mandarim.
1 Lt Leite
6 C.  Sopa Açúcar

Modo de preparação:

Bater as claras em castelo e ir adicionado o açúcar aos poucos.

Num prato ou pirex, levar colheradas das claras ao microondas por segundos (aqui é melhor experimentar uma ou duas, porque se coze demais fica tipo pastilha, eu levei 10 segundos na temperatura máxima, que, no meu caso são 900 wts, e com o dedo vi se estava ou não, fica rijo mas não muito)

Retirar e colocar na travessa que vai servir.

Preparar o pudim com as instruções da embalagem..

Assim que estiver pronto colocar em cima das claras e pulvilhar com canela a gosto.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom Proveito

Pavlova dia da mãe - Dia Um.....na cozinha 2016


Mais um desfio aceite, e é com muito gosto que fiz esta Pavlova diferente para o dia da mãe.
Já agora desejo a todas as mães um dia muito especial ao pé de quem mais amam.

Ingredientes:

165 Grs de Claras (o equivalente a 5, mas usei de pacote)
225 Grs de  açúcar
1 C. Sopa de amido de milho
1C. Sopa de vinagre (usei de frutas)
1 C. Sobremesa de aroma de baunilha
Corante alimentar vermelho Q.B. (usei da vanihé)

Para recheio:

250 Gra de Natas Vegetais (usei da Dulcis)
2 C. Sopa de açúcar em pó (usei da Sidul especial merengues)

Amendoim crocante Q.B. 
Cobertura framboesa silver (usei da dulcis)
Açúcar em pó (para polvilhar) Q.B.
3 Framboesa (usei enlatadas da espiga, mas são tão feias....)

Modo de preparação:

Bater as claras em castelo até estarem bem firmes, colocar o açúcar ás colheradas duas de cada vez, sempre a bater, quando finalizar o açúcar colocar o amido de milho e depois o vinagre e o aroma de baunilha, no final o corante.

Colocar em cima de papel vegetal o merengue dividindo em três partes uma maior, uma média e outra mais pequena.

Levar ao forno a cozer 1h30m a 130º e não ligar a ventoinha do forno (descobri porque é que as minhas pavlovas não ficavam crocantes por fora), deixar arrefecer no forno (eu deixei a noite toda).

Para o recheio bater as natas em chantily e acrescentar as 2 colheres de sopa de açúcar em pó.

Montar a pavlova, na base maior colocar algumas natas já em chamtily (sejam generosos) depois espalhar alguns amendoins crocantes e em seguida com a ajuda de uma colher colocar "fio" de cobertura silver de framboesa, colocar o merengue do meio e fazer o mesmo processo, no ultimo merengue colocar só as natas e enfeitar com as framboesas.

No final com um passador espalhar o açúcar em pó.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito






Pavlova de frutas light - Doces da Páscoa


Bem, férias da Páscoa na terra..... (mesmo terra não temos quase nada na cozinha foi uma aventura, mas enfim nunca desistir certo?)

Passamos em família, todos juntos, e... alguém anda a cuidar da linha e pediu para não fazer doces mas... gulosa como sou, nem pensar, tem de existir sempre doces na mesa, nem que sejam light, foi o que fiz, levei a minha "rica" pavlova feita de casa.. (sim sem forno é difícil), e levei o resto dos ingredientes no saco (sim supermercados são super longe), assim era só montar.

Fiz o mais light que consegui e .... ninguém reparou.

Para a pavlova:

4 claras á temperatura ambiente

7 colheres de açúcar mascavado sidul com stévia

1 Colher sopa de farinha maisena

1 Colher de Sopa de vinagre (usei de fruta)

1 C. Chá de aroma de baunilha

Bater as claras em castelo bem firme e ir adicionando as colheres de açúcar uma de cada vez (entre elas deixar bater bem  é muito importante)

Adicionar aos pouco a colher de maisena e o vinagre e o aroma de baunilha.

Numa folha de papel vegetal deitar a mistura das claras fazendo a forma que se quer, normalmente um circulo mas esta era mais oval :) deixando uma parte central um pouco mais "funda" para se poder colocar o recheio.

Levar ao forno 1h30m a 120 º (muito importante respeitar o tempo e a temperatura para tudo correr bem)

Deixar arrefecer dentro do forno (eu fiz a noite e só de manha é que retirei do forno)

Mas não sei que se passou só a primeira é que ficou espectacular, a partir daí tem sido uma desgraça, não fica estaladiça por fora, só fofa, e não é do açúcar mascavado porque as outras que fiz também não ficam estaladiças por fora, mas enfim, ficam boas na mesma.

Para o recheio:

2 iogurte natural (não usei grego porque são açucarados)

1 C. Sobremesa de adoçante

Morangos Q. B.

Kiwi Q.B.

Laranja Q.B.

Misturar o adoçante com os iogurtes, deitar sobre o centro da pavlova, descascar e lavar devidamente a fruta e enfeitar em cima do iogurte.

Depois é deliciarem-se sem culpas.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito.


Estas "bolinhas" de açúcar serviram para enfeitar mas foi mesmo da pavlova porque fiz em casa e depois foi de viagem.










Bolo de claras com limão e sementes de papaoila




Retirei esta delicia aqui adorei, não me arrependo nada e ainda vou repetir.


Ingredientes

10 claras
200g de Fécula de batata
150g de açúcar amarelo
150g de manteiga
1 colher de chá de fermento
1 pitada de sal
Sumo e raspas de 1 limão
Sementes de papoila a gosto

Modo de preparação:

Bater as claras em castelo com a pitada de sal.

Bater a manteiga com o açucar até ficar um creme esbranquiçado e fofo, adicionar a raspa e sumo de limão, a farinha aos poucos e o fermento.

Envolver delicadamente as claras na massa e acrescentar as sementes de papoila a gosto.

Colocar numa forma (Usei uma de selicone e como sobrou massa ainda fiz umas madalenas)

Levar ao forno cerca de 25 minutos a 180º (verificar sempre fazendo o teste do palito)

Bom proveito, espero que gostem e que se inspirem..







1º Pavlova

 

 

Pavlova com doce de morango e ananás 4.jpg

 

 
Fiz esta pavlova com as benditas claras de litro, mas segui a receita base (mesmo sem saber quantas claras estava a usar), mas não foi por isso que ela ficou muito baixa, foi alguém que abriu o forno enquanto cozia e decidiu virar a pavlova pois estava a queimar de um lado (pensou esse alguem).
De manha quando abri o forno qual não foi o meu espanto :( a pavlova estava mal cozida e estava baixa nem sei como descrever mas....
 
Tinhamos de comer coloquei natas da dulcis batidas com açúcar baunilhado e descaricei algumas cerejas e enfeitei.
 
Ficou bastante bom.
 
Não se pode mandar nada para o lixo :)

Pavlova com doce de morango e ananás 2.jpg

Pavlova com doce de morango e ananás 3.jpg

Pavlova com doce de morango e ananás 1.jpg