Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Cozinha da Anita

A cozinha rápida, e saborosa...

A Cozinha da Anita

A cozinha rápida, e saborosa...

Bolo de Beterraba




Queria muito experimentar então ganhei coragem e....

Ingredientes:

2 Chávenas de açúcar
4 Ovos
2 Chávenas de farinha
1/2 chávena de óleo
1 c. chá de fermento
Sumo de 1/2 Limão
1 Beterraba ralada

Modo de preparação:

Bater as claras em castelo e reservar.
Bater a gemas com o açúcar até ficar um creme esbranquiçado.
Juntar a beterraba ralada, o óleo e o sumo de limão, sempre a bater.
Juntar a farinha e depois de envolvida com uma colher de pau juntar as claras em castelo.
Levar ao forno pré aquecido cerca de 40 minutos a 220º, ter atenção cada forno funciona á sua maneira, por isso aconselho a fazer o teste do palito.
Se necessário tapar com uma folha de papel de alumínio para não queimar a parte de cima.

Nota: Não ficou da cor da beterraba, ou por ter colocado pouco ou porque não era para ficar, como foi uma experiência tive medo por causa do sabor mas, não sabe a "terra" nem a beterraba tem um leve sabor a limão.
Fica super fofo.
Em cima decorei com açúcar em pó

Espero que gostem e se inspirem.

Bom Proveito




Coroa de Gila e Ovos Doces - Dia de Reis

Esta receita da massa foi retirada do blog aqui , mas usei um recheio diferente.

Aproveitei o doce de Gila que fiz na altura do natal, e coloquei doce de Ovos da Sodifer.

Usei uma técnica que vi aqui a Ana usou para fazer as suas croas achei super fixe e fiz exactamente como ela.

Ficou fantástica certo?

Ingredientes:

450 g de farinha T65
- 3 gemas
- 50 g de açúcar
- 1 c. chá de sal
- 150 ml de leite morno
- 50 g de manteiga sem sal
- 11 grs de fermento de padeiro (Usei da fermipan)
- raspa de 1 laranja
- 2 c. sopa de vinho do Porto

Para Recheio:

Doce de Ovos de Compra (usei da sodifer) Q.B
Doce de Gila Q.B

Brilho Neutro da Dulcis

Modo de preparação:

Colocar numa tigela o leite, a manteiga e aquecer uns minutos no microondas, colocar o fermento de padeiro e dissolver com a mistura ainda morna.

Na tigela do robot (usei para bater a massa) colocar a farinha, o açúcar, a raspa de laranja e aos poucos acrescentar a mistura de leite, manteiga e fermento, assim como vinho do porto e as gemas.

Deixar a bater cerca de 5 minutos (usei a potência 2).

Colocar num sitio Que seja mais "quente" tapado com um pano cerca de 2 horas (eu deixei a tarde toda, fiz há hora de almoço e só usei á hora de jantar)

Com o rolo da massa em cima de uma mesa enfarinhada, esticar a massa até formar um rectangulo.

Colocar o recheio (doce de ovos e gila) espalhados no centro.

Enrolar como se fosse uma torta.

Cortar ao meio no sentido maior (não sei se horizontal se vertical depende de como está ehehe)

Entrançar e fazer o formato de uma coroa ligando as pontas da massa com uma pressão dos dedos.

Levar ao forno em papel vegetal a 230º cerca de 30 minutos.

Assim que a coroa estiver fria pincelar com o brilho neutro da Dulcis para lhe dar este fantástico brilho.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito.






São Marcos



Bem o meu rapinanço foi mesmo com os olhos, eheheh queria fazer um igual, mas como sabém há dias que correm menos bem certo?

Bem fiz a receita direitnha retirei aqui http://pontoderebucadoreceitas.blogspot.pt/2015/12/sao-marcos.html, a Maria Joao foi super super, cinco estrelas e deu-me uma ajuda maravilhosa, sim porque tudo correu mal neste bolo, mas consegui salvar e o que importa é mesmo o sabor certo? e esse estava digno de um restaurante, uma delicia que muito em breve fazei novamente, impressiona tudo e todos, pela apresentação, pelo sabor, pela facilidade e pela rapidez.

Muito obrigado por este desafio, para mim não foi dificil escolher porque, como já disse comi com os olhos a bela foto.

Bem vou trancrever a receita já que é rapinanço rapino tudo menos a foto claro porque as minhas podem ser feias mas são mesmo minhas.

Ingredientes
Bolo
3 ovos 
75g de açúcar 
75g de farinha c/ fermento 
Extrato de baunilha q.b.  - Não coloquei

Bolo: Bater os ovos com o açúcar e a baunilha durante uns 10 minutos, até obter um creme esbranquiçado e volumoso. Juntar a farinha com fermento e envolver delicadamente para não retirar o ar à massa. 
Deixar arrefecer e dividir o bolo em duas metades. Colocar uma delas na base de uma forma com fundo amovível e reservar a outra.

Aqui o meu bolo ficou super pequeno nem deu para cortar ao meio, ou os ovos, ou sei lá há dias assim

Fiz um bolo de fécula de batata (pensava eu que sai sempre bem..., enfim) 6 gemas bate com 180 Grs a açúcar até ficar espuma acrescentar 4 c. sopa de fécula de batat, continuar a bater, acrescentar as claras em casto com uma colher para não retirar o volume, colocar no forno a 200º cerca de 30 minuto.

Recheio
200ml de natas frescas 
250ml de leite condensado 
4 folhas de gelatina  - não tinha usei geratina em pó neutra da Royal (enfim não ficou bem dissolvida e... tive que andar a tirar os grumos)

Bater as natas bem frias até ficarem firmes.
Demolhar as folhas de gelatina em água fria, espremer bem e derreter num pouco de água bem quente. Misturar a gelatina ao leite condensado numa taça. Por fim, juntar o leite condensado às natas, envolvendo delicadamente com uma espátula. Encher a forma com o creme e alisar. Levar ao frigorífico até solidificar. 

Doce de ovos
3 gemas 
3 colheres de sopa de açúcar 
3 colheres de sopa de água 
caramelo líquido q.b. 

Doce de ovos: Levar ao lume o açúcar com a água até obter uma calda em ponto de pérola. Numa taça, bater as gemas e juntar a calda bem quente pouco a pouco, mexendo vigorosamente com uma vara de arames. Levar ao lume até engrossar ligeiramente. Deixar arrefecer.

Posicionar a outra metade do bolo por cima do creme e pressionar um pouco. Cobrir com o doce de ovos e decorar com o caramelo (fiz riscas de caramelo e depois passei uma faca para dar este efeito espinhado). Levar ao congelador e retirar para o frigorífico 2h antes de servir.







Bolo de Bolacha da Dulcis


Coisa mais fácil não existe, e mais saboroso... todos queriam a receita do creme ahahaha, eu só mostrei a embalagem.

2 Pacotes de bolachas de canela
1 café bem cheio da máquina
200 grs de creme para bolo de bolacha da dulcis.
400 Grs de natas vegetais da dulcis.

Bater as natas vegetais um pouco, acrescentar o creme e bater novamente.
Passar as bolachas por café e colocar na travessa de servir, barrar com o creme.
Repetir esta fase até acabarem as bolachas, em ultimo colocar o creme.
Para enfeitar usei toping caramelo da dulcis.

Tenho a dizer que foi super rápido, foi mais rápido a sair da mesa que a fazer ahahaha.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom Proveito


Alaska Flamejante

Hoje fiz uma sobremesa fantástica. Tive o prazer de conhecer um Chefe (já reformado) de nome Armando Sousa.

Ele ensinou-me a fazer esta sobremesa maravilhosa que além de encher o olho é super saborosa.

Cá vai a receita...

Ingredientes:

Para o bolo

2 Chávenas de açúcar
2 Chávenas de Farinha
1 Chávena de água morna
4 Ovos (usei tamanho M)
1 C. Chá de fermento.
Gelado Q.B. (ao gosto de cada um)

Bater muito bem as gemas com o açúcar, juntar água morna, depois juntar a farinha e continuar a bater.
Assim que estiver ligado, acrescentar as claras em castelo com uma colher.
Levar ao forno já aquecido cerca de 40 minutos a 200 º (fazer sempre o teste do palito cada forno tem o seu funcionamento)

O bolo ficou alto demais para o que pretendia por isso cortei ao meio.

(Mais tarde explico o que fiz com essa metade)




Deixar arrefecer colocar num prato que mais tarde possa ir ao forno e para servir logo (como também não tenho coloquei em cima de papel vegetal para levar ao forno e depois coloquei num prato para levar para a mesa, foi tarefa dificil para não se partir todo).

Para o merengue

10 claras batidas em castelo
5 colheres de sopa de açúcar
1/2 casca de ovo (para o topo, onde se coloca o licor Grand Marnier)
Licor Grand Marnier Q.B

Colocar o gelado em cima do bolo (era para ser bolas, mas ainda não tenho colher, por isso...)


Tapar com o merengue fazendo a forma de uma montanha.

Com o saco de pasteleiro e um bico á escolha fazer as marcas.

Colocar no topo da montanha a 1/2 casca de ovo.

Espalhar açúcar em pó  por toda a montanha.





Levar ao forno cerca de 2 minutos até ficar lourinho (atenção cada forno tem a sua forma de funcionar, por isso é melhor ir verificando).

Assim que estiver "lourinho" retirar do forno e colocar na mesa para servir.

Colocar um pouco de licor na casca de ovo e acender, fica um efeito brutal e se quiserem fazer como nós coloquem também em cima do merengue e depois ponham fogo, levem para a mesa a arder, vao ver como é bonito.





Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito









Tronco de Natal


Olha que coisa mais gira, o meu primeiro tronco de natal.

Eu achava que os trontos eram super complicados, por isso ainda não tinha feito nenhum.

Mas este ficou bom que foi logo e ficou tão giro... e foi super, mas super fácil.

Para a torta:

6 ovos (gemas separadas das claras)
10 c. Sopa Açúcar
6 c.  Sopa Farinha
1c. chá fermento
1/2 Dl água morna

Recehio:

Dulcis recheio de morango

Cobertura:

200 ml de Natas Vegetias Dulcis
300 Grs de Musse Chocolate Dulcis
côco em pó q.b.

Enfeites:

Bonecos de natal

Para começar bater as gemas com o açúcar até ficar uma espuma.

À parte bater as claras em castelo e reservar

Acrescentar a farinha, o fermento e a água no creme das gemas com açúcar, continuando a bater com a batedeira.

Juntar as claras em castelo à massa e mexer com uma colher de pau de baixo para cima com cuidado.

Forrar um tabuleiro com papel vegetal e colocar lá a massa, levar ao forno por 10 minutos (ou até estar cozida mas muito fofa).

Estender um pano com açúcar numa superficie plana e deitar a massa depois de cozida.

Espalhar o recheio com uma clher e com a ajuda do pano enrolar. (esta tarefa tem de ser o mais rápido possivel para a torta não se desmanchar e ser mais fácil enrolar).

Cortar uma fatia  e colocar de lado, (eu cortei 2 mais parece um cacto, mas era para ser diferente).

Fazer a musse, batendo as natas até ficarem mais ou menos espessas (cerca de 20 segundos) e juntar a musse de choclotae, bater até unir (não demora mais que 30 segundos).

Com a ajuda de uma faca espalhar em todo o tronco, e fazer ums desenhos dos veios.

Colocar os bonecos e espalhar um pouco de côco em pó para enfeitar.

Digam lá que não é fácil.....

Espero que gostem e partilhem.

Bom proveito





Bolo de Tomate 2




Hoje levantei-me super cedo, sem sono.

Sempre que isto acontece o melhor mesmo é ir cozinhar, e para o pequeno almoço nada melhor que um bolo acabado de fazer...

Fiz novamente o bolo de tomate que tinha feito, (receita tirada do blog cromas da cozinha) mas desta vez não coloquei a calda de açúcar, mas acrescentei um pouco de água na qual fervi uma estrela de anis, e fiz uma mistura de farinhas.

Cá Vai...

Ingredientes

40 Grs Fécula de Batata
40 Grs Fécula de Mandioca
120 Grs Farinha de Trigo
1 c. Sobremesa de Fermento em Pó
200 Grs de Açúcar
200 Ml de Polpa de Tomate
1 Estrela de Anis
1/4 Copo de água (mais ou menos 1.5 dl)
4 Ovos M

Modo de preparação:

Colocar a água com a estrela de anis para ferver no microondas.

Na batedeira colocar os ovos inteiros e o açúcar e bater, acrescentar a polpa de tomate.

Acrescentar as farinhas com o fermento, e por último acrescentar a água (sem a estrela de anis), bater mais um pouco.

Coloquei numa forma de silicone e levei ao forno a 230º cerca de 40 minutos (o forno ainda não estava quente, esqueci-me)

Desenformei e cá está esta beleza deliciosa.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom Proveito

Bolo de Tomate 2




Hoje levantei-me super cedo, sem sono.

Sempre que isto acontece o melhor mesmo é ir cozinhar, e para o pequeno almoço nada melhor que um bolo acabado de fazer...

Fiz novamente o bolo de tomate que tinha feito, (receita tirada do blog cromas da cozinha) mas desta vez não coloquei a calda de açúcar, mas acrescentei um pouco de água na qual fervi uma estrela de anis, e fiz uma mistura de farinhas.

Cá Vai...

Ingredientes

40 Grs Fécula de Batata
40 Grs Fécula de Mandioca
120 Grs Farinha de Trigo
1 c. Sobremesa de Fermento em Pó
200 Grs de Açúcar
200 Ml de Polpa de Tomate
1 Estrela de Anis
1/4 Copo de água (mais ou menos 1.5 dl)
4 Ovos M

Modo de preparação:

Colocar a água com a estrela de anis para ferver no microondas.

Na batedeira colocar os ovos inteiros e o açúcar e bater, acrescentar a polpa de tomate.

Acrescentar as farinhas com o fermento, e por último acrescentar a água (sem a estrela de anis), bater mais um pouco.

Coloquei numa forma de silicone e levei ao forno a 230º cerca de 40 minutos (o forno ainda não estava quente, esqueci-me)

Desenformei e cá está esta beleza deliciosa.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom Proveito

Bolo sem Açúcar - Para Diabéticos



Queria fazer um bolinho, para um senhor que me ajudou bastante, e quando descobri que era diabético, pronto, desafio aceite.

Não é nada dificil fazer bolos sem açúcar, mas temos de ter alguns cuidados, claro.

Fiz da seguinte maneira:

Ingredientes:

150 Grs de Farinha de Trigo
50 Grs de Farinha de Alfarroba
1 Colher Chá Fermento
2 Bananas (as minhas estavam congeladas, coloquei uns minutos no micro)
5 Ovos
1 Courguete Ralada

Para o creme

2 Iogurtes Naturais (queria usar gregos mas todos têm açúcar)
2 Colheres de Sopa de Queijo Creme (sem açúcar, sim existem alguns que se lermos bem os ingredientes têm açúcar)
2 Saquetas (1g cada) Adoçante

Modo de preparação:

Bater as gemas, com as bananas esmagadas de preferência, adicionar as farinhas com o fermento, e continuar a bater com a batedeira, ou a misturar se for o caso de ser com a colher de pau.

Juntar a courguete ralada.

Há parte bater as claras em castelo e juntar á massa, mexer com bastante cuidado para não retirar o ar das claras e para que a massa fique fofinha.

Untar uma forma (usei uma pequena) com margarina (usei liquida) e colocar lá a massa.

Levar ao forno cerca de 50 minutos a 180º, se estiver a queimar a parte de cima aconselho a colocar folha de papel de alumino para não queimar mais, e como sempre aconselho a fazer o teste do palito para ver se já está cozido.

Desenformar depois de frio.

Para o creme bati os iogurtes com o queijo e o adoçante só com uma colher normal e despejei em cima do bolo.

Espero que goste, e se inspirem e bom proveito


Obs: a forma era pequena demais para a massa, por isso o que sobrou acrescentei 2 colheres de açúcar (não era preciso, eu sei que não, depois de provar tive a certeza mas o meu "cerebro" dizia sem açúcar que horror...) e fiz numa forma de tarte, que ficou bastante bom.

Polvilhei com açúcar em pó.










Bolo de claras com limão e sementes de papaoila




Retirei esta delicia aqui adorei, não me arrependo nada e ainda vou repetir.


Ingredientes

10 claras
200g de Fécula de batata
150g de açúcar amarelo
150g de manteiga
1 colher de chá de fermento
1 pitada de sal
Sumo e raspas de 1 limão
Sementes de papoila a gosto

Modo de preparação:

Bater as claras em castelo com a pitada de sal.

Bater a manteiga com o açucar até ficar um creme esbranquiçado e fofo, adicionar a raspa e sumo de limão, a farinha aos poucos e o fermento.

Envolver delicadamente as claras na massa e acrescentar as sementes de papoila a gosto.

Colocar numa forma (Usei uma de selicone e como sobrou massa ainda fiz umas madalenas)

Levar ao forno cerca de 25 minutos a 180º (verificar sempre fazendo o teste do palito)

Bom proveito, espero que gostem e que se inspirem..